ZBOSS Linux tem o ZFS como seu sistema de arquivos padrão

Se há um sistema de arquivos que ganhou o respeito de todos nós SysAdmins é o ZFS. Ele foi originalmente criado pela Sun Microsystems ( que hoje pertence a Oracle … ) para o seu sistema para o Unix. Como ela tinha como seus sistemas operacionais Unix o Solaris e o OpenSolaris este sistema foi implantado nestas plataformas.

O significado original era “Zettabyte File System” mas agora é so mais um dos acrônimos recursivos da nossa linguagem de Administradores de Sistemas.

As características do ZFS incluem grande capacidade de armazenamento, integração dos conceitos de sistemas de arquivos e administração de volumes, a novel on-disk structure, lightweight instances e gerenciamento de storage pool bem facilitado.

Ele já é sistema de arquivos de alguns BSD ( pois ele é Open Source hoje sob a licença CDDL ) e sempre foi esperado no Linux.

No Linux ainda estávamos meio que chupando dedo. Como este sistema de arquivos não está oficialmente na árvore do kernel a maioria das distros não nos fornecia isto por padrão.

Outro dia um anúncio me chamou a atenção e eu fui ao site da Zettalane por causa de um tal de ZBOSS. Com toda certeza, eu fui achando que era um produto relacionado ao JBOSS, mas ele não é.

ZBOSS OpenStorage Server

ZBOSS OpenStorage Server

O ZBOSS 6.5 é uma distro baseada no RHEL 6 ( tal qual o CEntOS ) e que tem o ZFS como seu file system padrão.

O nome ZBOSS é um nome curto para ZettaByte OpenStorage Server. Como pode ser visto pelo nome é um software de armazenamento que fornece conectividade iSCSI e NAS FC com algumas funcionalidades interessantes como snapshots ilimitados ( lógico, desde que tenha espaço ) , replicação de dados e disponibilidade em modo-ativo.

Ainda não tive a chance de testar o ZBOSS mas ele está na lista de próximos testes pois pode ser uma opção interessante em alguns tipos de ambiente.

comments powered by Disqus